quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Presentinhos de Natal - Novos instrumentos

Prezados,

A Zero-Dois vai ganhar alguns presentinhos de Natal antecipados:

1 - Tacômetro (Conta-giros)
2 - Manômetro de óleo até 7 kgf/cm²
3 - Vacuômetro

Todos de 52 mm, da Cronomac, da série Sport, preto com a borda preta, ponteiro vermelho com iluminação em LED vermelho.

O plano inicial era trocar todo o conjunto de instrumentos mantendo o mesmo quadro. Eu colocaria um velocímetro com hodômetro total e parcial e um conta-giros grande como instrumentos principais (Com diâmetro de 100 mm) e termômetro de água, marcador de combustível, vacuômetro e manômetro de óleo (Com diâmetro de 52 mm) como os secundários.

Os pontos que pesaram na decisão de mudar o projeto são:

1 - O fantasma do custo. A brincadeira não sairia por menos de R$ 1.800,00 (Dezembro de 2016);

2 - A escala mínima do velocímetro é 200 km/h. O original é até 160 km/h e como não é um carro esportivo, vou perder a resolução na leitura em baixa velocidade; e

3 - O tacômetro, o manômetro de óleo e o vacuômetro são de 3/4 de volta, já o termômetro de água e o marcador de combustível são de 1/2 volta, o ideal é que todos fossem do mesmo tipo (1/2 ou 3/4 de volta), mas quem não tem opção, se conforma.

O que deu mais trabalho foi descobrir qual é a escala mais adequada para o manômetro de óleo para o motor 4,1l à álcool, pois a Cronomac oferece duas opções, de 7 kgf/cm² e de 10 kgf/cm².

Todas as tabelas e sites que consultei só informam a pressão mínima e em diferentes unidades de medida:
- Manual da Brosol - 2,2 a 3,2 bar (2,24 a 3,24 kgf/cm²) @ 1.500 rpm
- Manual de Reparação da GM / Série 20 - 207 a 267 kPa ( 2,11 a 2,72 kgf/cm²) @ 1.500 rpm

Depois de muito pesquisar, no site da Willtec constam os dados referentes ao sensor de pressão do manômetro elétrico para o motor da C10 / Veraneio / Opala. A Willtec informa como sendo entre 0 e 8 bar (Sensor W70.033).

Após conversar com o mecânico da Veraneio, ele afirmou que o pico de pressão é na faixa dos 4 bar, assim decidi pelo uso do manômetro de 7 kgf/cm², espero que ele não esteja errado.

O desenho que imaginei para o painel seria, mantendo como base o quadro original da Veraneio:

- Lado esquerdo superior - Vacuômetro

- Lado esquerdo inferior - Nível de combustível


- Centro esquerdo - Tacômetro

- Centro inferior, entre os instrumentos - Sinaleira original

- Centro superior - A decidir ou vazio

- Centro direita - Velocímetro


- Lateral direita superior - Manômetro de óleo

- Lateral direita inferior - Termômetro de água


Desta forma, se mais a frente decidir voltar ao plano inicial, ou seja trocar todos os instrumentos pelos da Cronomac, o que já comprei não fica de todo perdido (exceto pelo tacômetro), só preciso reorganizar os instrumentos aproveitando as furações já existentes.

Preços: (Referência / Dezembro de 2016)
- Velocímetro com hodômetro eletrônico - R$ 592,90
- Tacômetro - R$ 291,94
- Indicador do nível de combustível - R$ 136,43
- Termômetro de água - R$ 176,62
- Manômetro de óleo (mecânico) - R$ 107,01
- Vacuômetro - R$ 106,36
- Sensor de velocidade - R$ 119,79
- Bóia do tanque de combustível - R$ 100,00
- Kit do manômetro de óleo - R$ 35,21
- Kit do vacuômetro - R$ 34,87

Neste link, em inglês, há uma explicação completa sobre o estado de conservação interna e funcionamento do motor baseado somente nas leituras do vacuômetro, mesmo sem o domínio do inglês é de fácil compreensão.

ChA

Nenhum comentário:

Postar um comentário